Finanças Pessoais

Expert em finanças?

Certa vez eu me preparava para participar de um programa de entrevistas e perguntei à jornalista responsável que tipo de roupa deveria usar.

– Bom, creio que de terno é melhor, pois afinal de contas, você vai falar sobre finanças, respondeu ela.

Em minha opinião, esta colocação da jornalista, de certa forma, reflete uma concepção relativamente comum entre as pessoas: saber sobre finanças não é pra qualquer um. É coisa de especialista, de expert no assunto.

Finanças – Assunto para todos

Um das coisas que mais me entusiasma na missão de levar educação financeira às pessoas é que, quando estou diante de uma platéia, sei que todas aquelas pessoas têm experiências diárias com o dinheiro. Mesmo como crianças as pessoas já tomaram decisões financeiras, boas ou ruins. Além do mais, precisamos nos perguntar: até onde necessitamos saber sobre finanças para termos uma vida financeira equilibrada e bem sucedida. É necessário sermos experts no assunto?

Atividade física – um paralelo com o dinheiro

Eu costumo fazer uma comparação entre educação financeira e educação física. Todas as pessoas necessitam de atividades físicas. Elas são fundamentais para a saúde do corpo e equilíbrio das pessoas. No entanto, não necessitamos ser super atletas para alcançarmos este equilíbrio. Caminhadas diárias podem ser o suficiente para se ter um estado físico básico necessário para a vida. Evidentemente que, para um atleta, as atividades físicas terão uma proporção muito maior visto que ele tem um foco específico, que demanda um ritmo de atividades diferenciadas para que ele possa alcançar os alvos mais arrojados a que se propôs. Mas não é razoável supor que pessoas comuns tenham que se submeter ao ritmo de atletas para alcançarem o equilíbrio para o seu corpo. De modo semelhante, as pessoas, de uma forma geral, não necessitam ser experts em finanças para lidarem bem com o dinheiro.

Regularidade diária

Apesar da não necessidade de sermos especialistas em dinheiro, é importante conhecermos os princípios básicos da gestão do dinheiro. Portanto invista uma parte do seu tempo para melhorar sua performance em termos de administração financeira. O fato é que tomamos decisões financeiras diariamente, por isso é necessário conhecer minimamente como lidar com o dinheiro para não incorrermos em erros básicos que podem nos tirar a tranqüilidade financeira, com conseqüências ruins para outras áreas da vida.

Onde obter Educação financeira?

Hoje há inúmeras possibilidades de se conseguir informação financeira de qualidade. No trabalho que temos realizado através do Finanças para a Vida optamos por ampliar a visão de como lidar com o dinheiro buscando uma perspectiva adequada aos valores cristãos. Porque, dentro de uma perspectiva cristã, o foco não é dinheiro, são as pessoas e seu relacionamento com Deus e com as outras pessoas. Assim, colocamos o dinheiro em seu devido lugar. No longo prazo, muitas pessoas tem experimentado frustrações quando colocam o foco no dinheiro e se apegam a ele.

Você não precisa ser um expert em finanças. Mas dê-nos a chance de mostrar que há princípios importantes e adequados que poderão mudar adequadamente a forma como você lida com o dinheiro.

Sucesso!

FONTE: Paulo de Tarso

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo