Download WordPress Themes, Happy Birthday Wishes
Home / Mundo Gospel / Filhos de pastor preso no Irã pedem a Barack Obama para ‘trazer o pai de volta para casa’

Filhos de pastor preso no Irã pedem a Barack Obama para ‘trazer o pai de volta para casa’

O casal de filhos enviou um vídeo ao presidente dos EUA, através do YouTube

O casal de filhos de um pastor preso no Irã relata que não entende por que o pai acabou encarcerado, por simplesmente “amar Jesus”.

De dupla nacionalidade, americana e iraniana, Saeed Abedini está preso desde 2012, levando os filhos a pedir ajuda ao presidente dos EUA, Barack Obama.

O depoimento foi enviado a Obama por meio de uma postagem no portal YouTube, com o título de “Caro presidente Obama: por favor, ajude a trazer nosso papai para casa” (“Dear President Obama: Please help bring our daddy home”, em tradução livre).
Relacionado
Pastor Saeed Abedini corre perigo de vida depois de der transferido para outra prisão mais perigosa
abediniPastor Saeed Abedini desmaiando de dor na prisão de Evin
Durante a gravação, o menino Jacob, de 6 anos, afirma que percebe que o seu coração está em prantos e sente que ele não pára de chorar.

Já Rebeca, de 6 anos, diz que enquanto ela se deita em sua cama, ora para o retorno do pai, mas que ainda não recebeu uma resposta que ela está buscando de Deus.

Diante do apelo, o governo dos Estados Unidos indica que segue com seus esforços para trazer o Pastor Abedini de volta.

Secretário de Estado dos EUA, John Kerry destaca que o país continua a pedir pela libertação dentro de um nível diplomático.

Kerry explica que o pastor permanece na cadeira depois que autoridades locais “o condenaram a oito anos atrás das grades simplesmente por sua crença religiosa”.

Ele acrescenta que os EUA trabalham para proteger qualquer forma de fé que seja coagida, independente de qual seja a crença.

“Não se enganem: nós continuaremos a nos erguer pelas comunidades religiosas minoritárias sob ataque e em perigo ao redor do mundo, desde as Testemunhas de Jeová, passando pelos Baha’is, até os Ahmadi muçulmanos”, observa.

A maior preocupação da família até agora é o tratamento recebido na prisão, após notícias recebidas sobre maus-tratos.

Recentemente, Abedini foi severamente espancado pelos guardas da prisão, sendo inclusive levado a um hospital para receber tratamento.

 

Fonte: IBB News / com informações do Christian Post

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.