Home / Internacional / 10 mil pessoas participam de manifesto “Pró-Família”, nos EUA

10 mil pessoas participam de manifesto “Pró-Família”, nos EUA

Estados Unidos – O evento contou com a participação de candidatos à presidência do país, que criticaram o aborto e a decisão da Suprema Corte em aprovar o casamento gay.

4 family rallyPelo menos 10 mil pessoas se reuniram neste sábado (29), em frente à ‘State House’ prédio do Governo, na Carolina do Sul (EUA) para participar da manifestação “Stand with God, Pro-Family Rally” (“Fique com Deus / Pró-Família”), na qual os candidatos presidenciais republicanos Ted Cruz e Rick Perry e os senadores dos EUA falaram sobre fé e questões morais, tais como o casamento homossexual e o aborto.

“Eu sinto como se fosse domingo de manhã, e nós temos um convite à adoração nos degraus (do prédio do Governo)”, disse candidato presidencial e senador Ted Cruz (Texas) à multidão, em Columbia, Carolina do Sul. “Nossa nação está em crise agora. Mas eu quero dizer que há um espírito de renascimento que está varrendo a Carolina do Sul, que está varrendo o país. Os americanos estão acordando”.

Cruz também mencionou os recentes vídeos, que mostraram funcionários / diretores da ‘Planned Parenthood’ – instituição responsável pela maioria dos abortos legalizados em todo o país – discutindo a venda de partes dos corpos de bebês abortados.

“Pregue a vida nos púlpitos, pregue vida para a congregação e precisamos convocar todos os nossos líderes. Levantem-se e levem à ‘Planned Parenthood’ a ser destituída do apoio governamental”, disse Cruz.

O aspirante à presidência, Rick Perry também falou sobre a questão da liberdade religiosa, que, segundo ele, está sendo “posta em perigo nos dias atuais”.

“Nós vemos o medo em nossas igrejas e em nossas escolas religiosas, porque temos um governo que está fora de controle”, disse o ex-governador do Texas. “Por gerações, esta cidade foi ensinada sobre o que é certo e o que é errado em nossas sinagogas, em nossas igrejas. Nós vemos estes locais sob ataques hoje, iteralmente”.

Perry também destacou que os cristãos podem ser agentes de mudança na sociedade norte-americana.

“Esta nação pode ser renovada. Estão prontos? Avante, soldados cristãos!”, disse à multidão.

O senador Tim Scott da Carolina do Sul também se dirigiu à multidão e referiu-se à recente decisão da Suprema Corte legalizando o casamento gay em todo o país.

“Traga sua família, sua fé e mostre à Suprema Corte que existe um Criador Supremo, com uma lei suprema sobre o casamento”, disse o site oficial da manifestação.

“A decisão da Suprema Corte é um ataque aberto contra a soberania de todos os estados da União”, disseram os organizadores do ato em uma carta aberta aos cidadãos americanos.

“Como cidadãos e como patriotas da América não podemos apoiar nem obedecer a decisão do Supremo Tribunal de Justiça, que aprovou o casamento entre pessoas do mesmo sexo. As repercussões desta decisão terão efeitos negativos de longo alcance sobre igrejas e ministérios religiosos em dias por vir. Como cristãos, não odiamos os homossexuais, mas temos de estar onde Deus permanece com relação ao pecado. O objetivo do Manifesto é incentivar e capacitar os cidadãos tementes a Deus para se posicionarem nestes dias maus. O tempo é crítico”.

Fonte: IBB News, com informações do Christian Post

Leave a Reply